Home / Noticias / Telefonica pode comprar gvt por 22 Bilhões

Telefonica pode comprar gvt por 22 Bilhões

Telefonica pode comprar gvt por 22 Bilhões

Telefonica pode comprar gvt por 22 bilhoes

Em breve um novo cenário no mercado de tv por assinatura no Brasil pode estar se formando. Ontem, o mercado de tv por assinatura no país foi surpreendido pela notícia de que a Telefônica/Vivo ofereceu R$ 20,1 bilhões para comprar a GVT, empresa que pertence ao grupo francês Vivendi e é o último ativo em telecomunicações que a Vivendi tem na América Latina.

A compra envolveria o repasse de 60% do valor ofertado em dinheiro e 40% do valor ofertado em ações da Telefônica, sendo que a Vivendi passaria a ter 12% das ações da Telefônica e mais o direito de compra de 8,1% das ações da Telecom Itália, empresa que pertence à Telefônica e cujo mercado interessa à Vivendi.

Apesar de a GVT declarar que a empresa não está a venda, já esteve, a oferta mexeu com a empresa e uma reunião do conselho de administração da Vivendi em breve deve decidir pela venda ou não da GVT para a Telefônica.

Se o negócio for concretizado nascerá a maior empresa de telecomunicações do país, segundo estimativa da Telefônica. No Brasil, a Telefônica comprou e adotou a marca Vivo, uma das principais empresas de telefonia do país, forte no mercado de telefonia celular e com atuação concentrada no mercado de tv por assinatura. A GVT despontou a alguns como uma alternativa ao mercado de telefonia fixa, tem crescido sistematicamente neste mercado, com destaque para a qualidade da conexão de banda larga e posteriormente começou a atuar no mercado de tv por assinatura onde pode ser considerada uma operadora de tv de qualidade mediana, ainda não tendo capacidade para concorrer com os principais nomes do mercado.

A união da Telefônica Vivo com a GVT pode mudar este cenário, já que a Vivo TV poderia oferecer os seus pacotes de tv por assinatura para o mercado nacional, tendo como principal divulgador o atual mercado de pirataria da tv por assinatura, os pacotes de canais da Telefônica Vivo são um dos mais aclamados e pirateados em toda a América Latina.

Resta saber se está nos planos da Telefônica adotar o satélite da GVT TV, o Galaxy 11, e as soluções da operadora de tv para os atuais pacotes da Vivo TV, o que seria um grande abalo ao mercado da pirataria da tv por assinatura já que desde sempre o satélite Amazonas, satélite da Telefônica Vivo, é o principal alvo da pirataria no continente.

A negociação Telefônica GVT conta com a desaprovação do Ministro da Telecomunicações, Paulo Bernardo, que mal soube do negócio e já de declarou contra por achar que será uma grande concentração de mercado na mão de uma empresa só.

Sobre martins

Além disso, verifique

showbox-logo.png

Showbox Muda Satelite de Desbloqueio

Comunicado Showbox 24/07/14 Amigos usuários. Estamos com novas notícias, há uma mudança em nosso sistema …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *